Como as plantas podem ajudar no ar da sua casa

0

Além de embelezar o ambiente, as plantas filtram o ar, absorvendo o CO2 e outros elementos tóxicos para os seres humanos

plantas

Colocar algumas plantas dentro e fora de casa aumenta o seu contato com a natureza. Esse simples gesto proporciona benefícios para o corpo e para a mente e, ainda, pode ajudar você a respirar melhor.

Segundo um estudo de 1989 feito pela Nasa, as plantas ajudam a filtrar e absorver poluentes como benzeno, xileno, amoníaco, tricloroetileno e formaldeído, presentes tanto no ar poluído das grandes cidades quanto em produtos usados no dia a dia, como os de limpeza.

As plantas podem purificar, oxigenar e umidificar o ar porque puxam água da terra por meio de suas raízes, transportando-a até suas folhas. As folhas, por sua vez, retiram o dióxido de carbônico do ar.

Além disso, plantas absorvem a luz do sol e, devido à clorofila, elas realizam a fotossíntese, um processo que transforma o dióxido de carbono e a água em glicose e oxigênio, que é o ar que respiramos.

É por isso que podemos dizer que as plantas purificam o ar.

Plantas dentro de casa

Com a predominância de pequenos apartamentos ao invés de grandes casas e diminutas varandas ao invés de belos jardins, as plantas passaram a habitar o interior das residências.

O principal objetivo de inserir a vegetação natural no interior das casas é valorizar a decoração, já que plantas e flores embelezam e dão vida ao ambiente, além de serem ideias para preencher os espaços vazios.

No entanto, involuntariamente, elas estão contribuindo para que o ar que você respira se torne mais puro e mais úmido para que ele seja melhor recebido pelos seus pulmões durante a respiração.

Algumas plantas, de práticos cuidados, manutenção simples, baixo custo e fáceis de se encontrar, cumprem essa função muito melhor do que outras. Confira quais são elas e aposte em ao menos uma para o seu lar:

Lírio da paz

Além de ser uma planta purificadora, essa planta possui flores que tornam o ambiente ainda mais aconchegante.

O lírio da paz vive à meia sombra em vasos com terra rica em compostos orgânicos, devendo ser irrigado uma vez por semana. Durante as floradas, a recomendação é de cortar dois terços da haste para que a planta continue saudável.

Lembre-se que essa é uma planta venenosa. Se você tiver crianças ou animais de estimação em casa, é preciso redobrar os cuidados para evitar o contato e a ingestão da planta.

Espada de São Jorge

Acredita-se que essa planta não somente é uma das que mais purifica o ar, mas também neutraliza as energias negativas do ambiente.

Ele pode ser cultivado em vasos, individualmente ou em pequenos grupos, que precisam ser mantidos longe da luz solar direta. É uma planta muito resistente em relação ao solo e aos picos de temperaturas.

A espada de São Jorge também é uma planta venenosa, portanto, tenha cuidado com a proximidade de crianças pequenas e animais.

Aloe vera ou babosa

Essa planta tem função fitoterápica, sendo ideal para aliviar queimaduras, picadas e cortes; é muito usada para a estética e ainda libera um odor fresco e calmante no ambiente.

A babosa é uma espécie de suculenta, por isso, precisa de um vaso com uma boa drenagem e pouca água – basta pulverizar o líquido uma vez por semana. A planta precisa ficar em um local ensolarado, como a varanda, e longe das chuvas.

Uma curiosidade sobre a babosa é que, quando a quantidade de poluente no ar é excessiva, as suas folhas apresentam manchas em tom castanho até que o ambiente esteja purificado outra vez.

Samambaia

Com suas folhas que lembram penas, a samambaia é uma das plantas mais populares para o interior das casas para purificar, mas também para umidificar o ar.

A samambaia pode ser cultivada em vasos ou jardineiras à meia sombra. Elas precisam de solos úmidos e adubados mensalmente. É altamente resistente, sendo adequada para quem tem pouca prática com o cuidado de plantas.

As samambaias são conhecidas como o dinossauro do mundo das plantas pois, de acordo com evidências, essa é uma das plantas mais antigas do mundo!

Outras alternativas para purificar o ar da sua casa

Apesar de serem excelentes ajudantes, as plantas não são a única forma de melhorar a qualidade do ar. É muito importante em investir em mais de uma alternativa para que o ambiente esteja sempre purificado.

Conheça outras soluções que podem ser aplicadas na sua casa ao mesmo tempo que as plantas:

– Procure abrir as janelas e as portas todos os dias, principalmente pela manhã, deixando a ventilação e a iluminação natural renovarem o ar do ambiente. Faça isso até mesmo nos dias mais frios.

– Evite limpar a casa usando vassoura, espanador e panos secos, que espalham as impurezas do ar pelos cômodos. Prefira usar o aspirador de pó e panos úmidos com suco de limão ou vinagre branco.

– Aposte em difusores de ambientes com óleos de plantas como capim limão e melaleuca, que têm propriedades naturais antissépticas, sendo ideais para higienizar e purificar o ar, além de deixar um odor fresco e relaxante.

– Adquira um purificador de ar e coloque-o diariamente em funcionamento em sua residência, especialmente no seu quarto. O ideal é contar com um aparelho a cada 20m² para que a purificação do ar seja feita de forma eficiente.

 

Autor: Tainá Fantin.





Compartilhe:

Sobre o Autor

Comentários não são permitidos.